COBG recebe selo do Prêmio Itaú-Unicef

itau_Semifinalistas_selos2013-v04.indd

Em meios aos presentes de final de ano, o Círculo Operário Bento-Gonçalvense (COBG) recebeu, em dezembro, o selo de semifinalista do Prêmio Itaú-Unicef – Educação Integral – Crer e fazer.

O reconhecimento do programa nacional representa um enriquecimento institucional e ganho de credibilidade, dada a forma de avaliação, que é feita por mais de 250 avaliadores, dando visibilidade às ações socioeducativas realizadas pelo COBG através do projeto Educação e Transformação, que já conta com uma trajetória de cinco anos, e que já recebeu o selo da edição anterior, em 2011.

O Educação e Transformação será retomado em 2014 com uma formatação nova, buscando melhorar ainda mais o atendimento e o resultado gerado para a sociedade. O projeto oferecerá, a 60 crianças e adolescentes, de sete a 14 anos, atividades socioeducativas no contra turno escolar – manhã e tarde – na sede do COBG e na E.E.E.F. General Amaro Bittencourt, durante toda a semana, de março a dezembro, sendo que, no mínimo, dois grupos de 10 usuários serão atendidos por turno.

De acordo com o parecer descritivo emitido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – Comdica, que aprovou o repasse de verbas para o projeto novamente para o próximo exercício, “Na articulação do projeto com equipamentos, serviços e com as escolas destaca-se o enfoque que o projeto direciona para o envolvimento e comprometimento das famílias. Entende-se que este processo de trabalho confere uma sustentabilidade política satisfatória atingindo pontuação máxima neste quesito”.

Sobre o Prêmio

Entre 2713 projetos avaliados no Brasil, o Educação e Transformação foi selecionado entre 32 classificados para a regional de Porto Alegre, que inclui os três estados do sul (foram apenas 160 no país todo). Na Serra Gaúcha, o COBG foi a única entidade a receber o reconhecimento.

O Prêmio Itaú-Unicef é uma iniciativa da Fundação Itaú Social e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), com a coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). Seu objetivo é identificar, reconhecer e estimular o trabalho de organizações sem fins lucrativos que contribuem, em articulação com as políticas públicas de educação e de assistência social, em parceria com a escola pública, para a educação integral de crianças, adolescentes e jovens brasileiros em condições de vulnerabilidade socioeconômica, por meio do desenvolvimento de projetos socioeducativos que qualificam e fortalecem a ação pública. Cada edição do Prêmio Itaú-Unicef tem a duração de dois anos.